Marketing Phygital: a fusão dos mundos on e offline

Online ou offline? Que tal trocar o “ou” por “e”? Marketing Phygital é a fusão do presente e do futuro. É o conceito que você precisa entender e incorporar para planejar boas estratégias e estar cada vez mais presente na vida das pessoas.

Se você nasceu entre os anos 60 a 90 com certeza deve lembrar do desenho Os Jetsons, onde uma família normal vivia com modernidades e tecnologias do futuro. Smartwatch, chamadas de vídeo, tablet e assistente pessoal eram algumas das inovações mostradas nos episódios - e que nos fazia questionar sobre uma possível substituição do físico pelo online. 

Com o avanço da tecnologia, a mesma dúvida foi compartilhada por profissionais e pela comunidade em geral. Ao contrário do desenho ainda não nos dirigimos carros voadores, e as pessoas não foram substituídas por máquinas. Marketing Phygital é a nova realidade. Ou melhor dizendo, a necessidade. O presente e o futuro estão fundidos e ainda mais conectados. 

Mas, o que significa phygital? 

A palavra é uma junção de “psychal” - físico, em português -, e digital. A fusão de dois universos, o online e o offline, para tornar a experiência do consumidor ainda mais especial e humana. Para manter um diálogo e não apenas dizer uma frase, as empresas traçam ações de marketing digital para estar presente em múltiplas plataformas, para, claro, ter um bom relacionamento com o consumidor. 

O melhor dos dois mundos

Você tem cinco segundos para pensar em cinco grandes empresas que atualmente se comunicam através de um único canal. 

Difícil, né?! O mercado conta com cada vez menos empresas monossilábicas e mais negócios multissilábicos - afinal, o consumidor é multi, é plural. A integração entre os meios online e offline se mostra cada vez mais relevante e necessária. Diferentes universos proporcionam diferentes experiências. Phygital é o conceito que integra o cliente à todas as formas de comunicação existentes, de maneira mais completa. 

Um dos grandes nomes da “phygitalidade”

Dia 17 de março todas as lojas fecharam as portas. Dia 31 o projeto Parceiro Magalu estava no ar, possibilitando que varejistas do país inteiro pudessem continuar a vender. Ricardo Rocha, do Luiza Labs, braço de inovação do Magalu, em um debate no festival “O que o futuro (do varejo) nos Reserva?”, comentou que a empresa vinha trabalhando a “phygitalidade” antes da quarentena, mas acelerou assim que a pandemia chegou ao Brasil. 

Com mais de 70 mil varejistas cadastrados, ele explicou que a infraestrutura foi desenvolvida para gerar lucro para ambos. Um dos números mais relevantes e significativos é o NPS (Net Promoter Score, nota atribuída pelo cliente ao produto ou serviço). 

Ricardo afirma que a paixão por esse número é cultura da empresa, e que entre o físico e o digital, trafega entre os dois. O Magalu coordena a multicanalidade. O físico e o digital trabalham juntos e surpreendem não só os clientes como também empresas interessadas em credenciamento. 

H2H - pessoas se conectam com pessoas 

Já imaginou comprar os direitos de distribuição da Nike no Brasil? No mesmo festival voltado à phygital, Pedro Zemel, CEO da Centauro, relembrou que a empresa entendeu que a grande transformação necessária não era física ou digital e sim uma maneira de atender de forma mais eficiente.

B2B ou B2C? H2H (Human to Human).
Após a absorção do conceito que une o online e o offline, as mais de 220 lojas passaram a ser tratadas não apenas como centros de distribuição e sim como um local para captar audiência. Gerar a conexão entre as pessoas é a essência destes dois universos. Embora seja uma empresa falando, sempre terá um humano do outro lado, tomando a decisão. Pessoas se conectam com pessoas. 

Entenda: phygital chegou para ficar 

Criatividade e o foco em consumidores com comportamentos diferentes é fundamental para o phygital. O que bamba em uma rede pode não despertar o mínimo de interesse em outra. As ações de marketing para o universos online e offline não podem ser as mesmas. Afinal, a maneira como o consumidor se comporta é diferente. 

SIm, o phygital chegou para ficar. O futuro das ações de marketing está ligado diretamente à fusão do on e off, como os dois mundos são carinhosamente conhecidos. Os dois universos cheios de particularidades e com diferentes comportamentos, juntos, são muito potentes e capazes de tornar a relação consumidor x empresa ainda mais humana. 

Gostou de conhecer ainda mais sobre Marketing Phygital? Sim, nós também acreditamos que essa união - assim como todas as outras - faz a força. Acompanhe nossas redes sociais para ficar por dentro de tudo que envolve nosso universo multi, phygital e humano. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

FREE MULTIAGÊNCIA  BLUMENAU 47 3326 7565    
twitterfacebooklinkedinyoutube-playinstagramwhatsapp